Cinema Tela Quente

Vingadores: Ultimato | O fim e o início de uma nova era

Escrito por Daniel Estorari

Choro e aplausos, é como posso resumir a experiência com Vigadores: Ultimato. Em meio a milhares de produções cinematográficas que existem, é muito difícil encontrar um longa-metragem que possa te fazer sentir tantas coisas boasAo decorrer das dezenas de reações que o público esboçava durante o quarto filme dos Vingadores, pode-se dizer com total tranquilidade, que essa foi a obra cinematográfica mais envolvente de todas, e quando digo ”de todas”, é em todos os sentidos.

Ultimato é a culminação de 11 anos de um belo e esplêndido planejamento arquitetado pelo empresário Kevin Feige, que em meados de 2006, começou a trabalhar naquilo que viria a se tornar uma das sagas mais lucrativas da história. Foi apenas dois anos depois, mais especificamente em 2008, que o mundo é apresentado a primeira produção da Marvel Studios (na época, Paramount Pictures): Homem de Ferro, protagonizado pelo galã dos anos 90, Robert Downey Jr..

Após o lançamento do primeiro filme do Vingador Dourado, os fãs foram a loucura, pedindo cada vez mais da produtora comandada por Feige. De lá pra cá, as películas sob tutela da Marvel Studios fizeram um trabalho além do esperado, criando uma comunidade de admiradores que estão mais pra uma ”família” ao invés de meros tietes. 

Endgame (no original) irá unir, criar novas atitudes e pensamentos sob o que é ser uma boa pessoa e o melhor; será a inspiração de vida.

Resultado de imagem para avengers endgame

Após Thanos eliminar metade das criaturas vivas, os Vingadores precisam lidar com a dor da perda de amigos e seus entes queridos. Com Tony Stark (Robert Downey Jr.) vagando perdido no espaço sem água nem comida, Steve Rogers (Chris Evans) e Natasha Romanov (Scarlett Johansson) precisam liderar a resistência contra o titã louco.

Mais uma vez, Thanos fez história. O Titã Louco está ainda mais tirano e sociopata em relação à Guerra Infinita, pensando de maneira egocêntrica e megalomaníaca; usufruindo de uma inteligência descomunal que infelizmente, foi usada apenas para o mal. 

Com jogadas e planos extremamente inteligentes, Josh Brolin impressiona com a sua atuação feita a partir de um molde artificial, levando quem está assistindo a acreditar que o tirano é real e que a qualquer momento ele pode vir para a Terra com sede de sangue e destruição.

O Führer espacial, é o melhor antagonista que a sétima arte já nos apresentou. Não há amor no coração do personagem e muito menos compaixão.

Em diversas ocasiões, o telespectador ficará contra Thanos (óbvio), mas no fundo, a mente do espectador deseja que o vilão não tenha um destino tão triste e cruel, afinal, o sociopata intergalático criou um certo tipo de empatia com o público. Amamos odiá-lo.

Resultado de imagem para thanos endgame

O elenco está impressionante, há um ótimo espaço de tela para cada membro da equipe. Mas claro, os seis originais são os verdadeiros destaques de Ultimato. 

Começando com Homem de Ferro. Downey Jr. conduz sua contraparte tão bem quanto das outras vezes que o astro deu vida ao herói. Aqui,Tony Stark possui uma vida nova, se privando de atitudes arrogantes e pensando mais no bem estar da humanidade. Até mesmo seu comportamento com os seus colegas mudou, provando que um homem pode buscar pela redenção quando é exposto à uma situação de risco.

Os melhores momentos da película são conduzidos por Chris Evans, também conhecido como Capitão América. Considerado por muitos como o melhor Vingador, Steve Rogers é um dos personagens chave da fábula, fazendo com que o público o ovacione inúmeras vezes durante as cenas.

Thor, Hulk e Rocket Raccoon, vividos respectivamente por Chris Hemsworth, Mark Rufallo e Bradley Cooper, são os alívios cômicos do longa-metragem. Houve um pequeno downgrade em Odinson, voltando a se tornar o deus do trovão visto em Thor Ragnarok e ignorando totalmente o ser mitológico  construído em Guerra Infinita. Pessoalmente, o fator não foi um incômodo, visto que o herói se encaixa perfeitamente nesse perfil bobão e idiota. Porém, para aqueles que amaram sua versão vista na produção anterior, podem se decepcionar um pouco. 

Viúva Negra (Scarlett Johansson) e Gavião Arqueiro (Jeremy Renner) possuem uma atitude de irmãos, motivo que uniu ainda mais ambos os heróis. Todavia, diferente do Gavião que é anos luz mais carismático que a sua parceira, a Viúva é nada menos que um peso de papel mal aproveitado em Ultimato. Em Guerra Infinita, a heroína está muito mais poderosa e cativante, dando gosto em suas aparições em tela. Apesar disso,  há momentos bacanas com a personagem.

Caso a Marvel Studios decida fazer um filme da A-Force, a personagem ideal para liderar a equipe feminina do MCU seria a Nébula! Filha adotiva de Thanos, a heroína interpretada por Karen Gillan, pode finalmente ter um merecido destaque na narrativa de um filme feito pela Marvel, brilhando de todas as maneiras possíveis.

Resultado de imagem para avengers endgame

As três horas de durações passam voando.Um ótimo trabalho dos diretores Anthony e Joe Russo, que souberam conduzir uma película com excesso de personagens de forma decente, sem se perder em sua própria narrativa. Infelizmente, há pequenos furos de roteiro que não serão consertados, deixando alguns buracos não muito agradáveis no MCU.

Momentos que os fãs nunca esperavam ver nos cinemas, aconteceram em Ultimato, seja de maneira inevitável ou não. Abreviando o filme em poucas palavras ele é, literalmente, uma história em quadrinhos cheio de clichês cósmicos característicos.

Como todo problema que a maioria dos filmes da Marvel sofrem, as piadas fora de timing são o que mais chegam a incomodar, mas em compensação, são extremamente engraçadas. 

Resultado de imagem para avengers endgame

Não foi fácil sair da sala de cinema enquanto os créditos de Vingadores: Ultimato subiam. O filme é uma bomba de emoções, que despertou em meu coração inúmeros sentimentos que acabaram se tornando apenas um: felicidade. Ultimato não é o fim de uma era, mas o começo de uma nova fase brilhante da Marvel Studios. Muitas jornadas foram encerradas, mas muitos caminhos ainda serão contados.

Obrigado por tudo casa das ideias, te amarei três mil vezes. <3

Comentários
Compartilhar

Sobre o Autor

Daniel Estorari

With great powers...

Deixar um comentário

Or