Literatura

Serpentário | Horror e Mistério no novo livro de Felipe Castilho

Escrito por Ricardo Ramos

Imagine um lugar com 1500 metros de comprimento e 500 metros de largura. Uma ilha na belíssima costa brasileira. Com cerca de 45 cobras por hectare, é a Ilha de Cobras. E ela existe.

É nesse cenário que se passa a trama de Serpentário, o novo livro de Felipe Castilho, autor de Ordem Vermelha: Filhos da Degradação. Com pitadas de H.P. Lovecraft e Robert W. Chambers, Serpentário tem uma narrativa macabra, humor voraz onde referências do folclore, mitologia, elementos da cultura pop e da ficção científica mesclam nessa história de horror

 

Confira a sinopse de Serpentário:

“Como era tradicional, todo ano Caroline, Mariana e Helio deixavam a capital paulista e iam de encontro com Paulo, um jovem habituado à simples vida caiçara. Mas durante o Réveillon de 1999, aquela amizade de anos sofreu fortes abalos em sua estrutura quando resolveram explorar uma misteriosa ilha no horizonte. Um arquipélago hostil e tomado por víboras, a Ilha de Cobras esconde segredos tão perturbadores quanto seus habitantes. A ilha destruiu a vida deles. Entre memorias e fatos dispersos, o que aconteceu naquela noite se tornou um mistério. Mas eles lembram de uma coisa perfeitamente: a enorme e terrível serpente, além da pessoa sendo entregue ao ninho da víbora, um sacrifício sem chance de recusa.

Anos depois, o passado tenebroso bate à porta e a pessoa que foi abandonada está viva. Um fantasma que surgem para fazer suas certezas ruírem. Então Caroline reúne os amigos para entender o que aconteceu, e talvez encontrar algo maior e muito mais maligno.”

Serpentário tem formato 23 x 15,7 cm, 368 páginas e já se encontra em pré-venda no site da Editora Intrínseca. O lançamento oficial será no dia 15 de agosto.

 

Comentários
Compartilhar

Sobre o Autor

Ricardo Ramos

Nerd, escritor, jogador de games, cervejeiro, rockêro e pai da Melissa.

Contatos, sugestões, dicas, idéias e xingamentos: ricardo@torredevigilancia.com

Deixar um comentário

Or