Gameplay

Dandy Ace e seu Ás na Manga

Escrito por José Victor

Produzido pelo estúdio brasileiro Mad Mimic, Dandy Ace é uma incrível surpresa no cenário nacional dos videogames. Semelhante ao surpreendente Hades, lançado ano passado, o título é um rogue-lite com diversas ferramentas interessantes e bastante inovadoras em sua gameplay, mostrando que o mercado brasileiro é subestimado pelos demais e tem muito o que mostrar.

Dandy-AceNa trama Dandy Ace é um incrível mágico, sendo considerado um dos melhores do mundo e é claro que isso atrai inimigos. Tomado pela inveja, seu rival conhecido como Ilusionista dos Olhos Verdes envia o mágico para um mundo paralelo denominado de Palácio Que Sempre Muda, utilizando um espelho amaldiçoado. Para escapar, Ace precisará explorar as áreas do castelo e derrotar os diferentes inimigos que aparecem em seu caminho até chegar no seu rival.

Sua gameplay é bem semelhante a de Hades: você precisa se movimentar pelo mapa e passar pelos diferentes estágios enquanto enfrenta inimigos e diversas outras armadilhas espalhadas pelo cenário. E, como já é de costume do gênero, caso você morra todos os itens e as habilidades serão perdidas. Inicialmente, você pode escolher entre três habilidades que são representadas como cartas dentro do jogo dividas em três classes – as azuis são responsáveis por movimentos como investidas, as roxas são ataques diretos e os amarelos são ataques especiais. Conforme ocorre a progressão do jogador, novas magias são encontradas durante as fases e as lojas. O mais interessante desse jogo é que as cartas de habilidades podem ser combinadas com outras e há uma vasta gama de possibilidades para isso.

E essa customização é essencial para progredir pois o título é bem difícil, logo é preciso adaptar sua build a cada cenário com suas respectivas armadilhas e a cada inimigo novo. É preciso pensar antes e agir com cautela, pois cada movimento errado pode custar sua vida. Os gráficos e os cenários do jogo são muito bem trabalhados, seus detalhes encantam o jogador durante sua execução.

Poucos pontos negativos são notados no jogo, mas ainda assim estão presentes. Em alguns momentos as fases parecem semelhantes entre si o que torna a experiência um pouco enjoativa, junto com a repetição de situações que ocorrem contra os inimigos. Além disso o jogo apresenta muita informação visual em determinados momentos, o que atrapalha algumas vezes.

Dandy Ace tem lançamento confirmado para 2021Uma surpresa do jogo é a Twitch Mode: neste modo, os espectadores da transmissão no aplicativo poderão usar o chat para aumentar os desafios de Dandy Ace convocando mais inimigos, usando magias, dentre outras utilidades. Além disso em cada fase será sorteado para um espectador encher o mapa de Twitch Cupcakes, que podem envenenar ou regenerar o mágico. Pode-se também ajudar o protagonista, com cartas de habilidades novas.

Outra grande surpresa é que o título é dublado em português por diversos influenciadores como BRKSEdu, Gabi Cattuzzo, Maethe Lima, dentre outros.

Então, é bom?

Dandy Ace é um rogue-lite brasileiro extremamente divertido e versátil, apresentando um ás na manga que empolga e cativa o jogador durante sua execução. Todo o conjunto da obra é relaxante e dá vontade de jogar de novo após seu término – recomendo a todos que estão habituados com o gênero. O jogo será lançado nesta quinta-feira, dia 25 de Março, na Steam e em breve para  PlayStation 4, Xbox One e Nintendo Switch.

Nota: Ouro – Recomendável

Comentários
Compartilhar

Sobre o Autor

José Victor

Estudante de Odontologia durante o dia, redator da Torre durante a noite e apaixonado por audiovisual e jogos todo o tempo. Nas horas vagas, streamer no canal da Twitch.

Deixar um comentário

Or